Home / Música / Há 10 anos, RBD tocava no Brasil pela última vez

Há 10 anos, RBD tocava no Brasil pela última vez

RBD se apresentava pela última vez em nosso país.

RBD em São Paulo / Reprodução / Mateus Buzzo

Em agosto de 2008, o grupo mexicano mais famoso do mundo, o RBD, anunciava que estaria encerrando suas atividades ainda naquele ano. A notícia pegou os fãs de surpresa e, claro, não foi bem recebida por eles.

Durante esse período, o RBD estava rodando o mundo com a bem-sucedida turnê Empezar Desde Cero, mas imediatamente após o anúncio de sua separação, o show foi alterado.

No dia 25 de novembro de 2008, o primeiro show da Gira Del Adiós (ou Turnê do Adeus, como foi promovida no Brasil) era apresentado no Siará Hall, em Fortaleza, para cerca de oito mil pagantes.

No repertório do grupo, sucessos como Cariño Mio, Otro Dia que Vá, Hoy Que Te Vas, Sálvame, Celestial, No Pares, Solo Quédate en Silencio, Nuestro Amor e claro, Rebelde.

O grupo entregou tudo o que os fãs queriam. Sucessos, lágrimas, boa produção e principalmente muito agradecimento pelos anos em que foram fiéis aos componentes do sexteto.

Após Fortaleza, o RBD seguiu para Porto Alegre, dia 27, Rio de Janeiro dias 28 de novembro e 10 de dezembro, São Paulo dias 29 de novembro e 09 de dezembro e Brasília dia 30 de novembro.

Os paulistanos foram privilegiados com o show de novembro, pois foi a única apresentação no país com a presença de Maite e também foi a oportunidade em que o grupo teve para gravar o DVD oficial da turnê, mesmo que o show tenha sido praticamente todo editado.

Christopher e Dulce María em São Paulo / Reprodução / Mateus Buzzo

O show de São Paulo em novembro arrecadou para o RBD cerca de 2,5 milhões de reais com 12,5 mil pagantes de acordo com a Billboard, provando que o RBD ainda estava em seu ápice quando anunciou seu desmembramento. O maior público da Gira Del Adiós foi na capital federal boliviana, La Paz, com cerca de 40 mil fãs no maior estádio do país. O RBD também conseguiu feitos até então impossíveis para um artista hispânico ao conseguir vender mais de 20 mil ingressos em Belgrado, capital da Sérvia, país no sudeste europeu que é pouco adepto à música latina. O show em Los Angeles teve audiência de 5 mil fãs e 95% da bilheteria vendida. O concerto virou notícia nos Estados Unidos, pois Anahí ficou tão emocionada com a despedida do grupo que não conseguia se conter e saía do palco para chorar ou se recompor e isso perdurou por mais da metade da apresentação.

A Gira Del Adiós também gerou polêmicas, pois dos 19 shows marcados, Maite esteve presente em apenas cinco. A cantora estava em processo de gravação da sua novela Cuidado Con El Ángel, a qual era protagonista, mas quando participava de algum show era ovacionada pela popularidade na televisão. No show de São Paulo em dezembro, nem Maite e nem Alfonso estavam presentes. A produção do concerto anunciou que os fãs que não quisessem assistir ao show poderiam reclamar o ingresso imediatamente e ter o valor pago devolvido em sua integridade. Nenhum fã o fez e o show seguiu normalmente com cerca de 5 mil pessoas no então HSBC Brasil (hoje, Grupo Tom Maior) e quatro integrantes no palco.

Talvez a polêmica maior tenha sido a que o grupo mexicano não se despediu do México, isto é, não houve, na Turnê do Adeus, um adeus ao país de origem do grupo. Havia planos de se fazer um mega concerto no Palácio de los Deportes na Cidade do México, mas isso nunca aconteceu e a Gira Del Adiós foi concluída em 21 de dezembro de 2008 no Palácio de los Deportes em Madri, na Espanha. Essa foi a última vez em que se viu o RBD com os seis integrantes juntos num palco.

Dulce María, Anahí e Christian em São Paulo / Reprodução / Mateus Buzzo

Dez anos depois, os ex-integrantes se dedicam a vida política, musical e carreira na televisão. Anahí lançou seu último trabalho em 2016 e é primeira dama do estado mexicano de Chiapas até o próximo 07 de dezembro. É também a única mãe entre os seis ex-integrantes. Christian atualmente participa da novela Like La Leyenda e recentemente veio ao Brasil apresentar seu último trabalho musical. Dulce Maria prepara seu quarto disco de estúdio. Christopher promove seu filme Soltera Codiciada e sua série no Netflix, Diablero. Maite é, como os mexicanos a chamam, “la reina de TV” – “a rainha da televisão” – e em 2018 acumulou mais um prêmio TVyNovelas, o mais importante da televisão mexicana, pela sua atuação como protagonista em Papá A Toda Madre. Alfonso ficou ainda mais famoso depois de participar das séries Sense8 e O Exorcista como protagonista.

E os fãs? Bom, os fãs ainda aguardam, uma década depois e com seus ex-integrantes chegando em sua maioria aos 40 anos, uma reunião do RBD para relembrar os bons tempos em que viveram de 2004 a 2008.

Autor Mateus Buzzo

Bacharel em tradução e interpretação, pós graduado em inglês, Mateus é apaixonado pelo mundo da música em geral e cinema.

Veja Também

Ivete Sangalo grava DVD em grande estilo

Manuela Scarpa / Agencia Brazil News O tão aguardado show “Ivete Sangalo Live Experience” aconteceu …

Deixe uma resposta